^Back To Top

foto1 foto2 foto3 foto4 foto5

Online

Temos 38 visitantes e Nenhum membro online

Sociedade Portuguesa da Beneficiência

Siga-nos no FaceBook

Portugal

Caros compadres e comadres,
    
     Em primeiro lugar, cumpre-me agradecer os Compadres e Comadres da minha tertúlia, a confiança que depositaram em mim. Sou um Sul Africano filho de pais Portugueses, com muito orgulho nas minhas raízes, mas, como toda a minha educação teve lugar nas escolas e institutos, Sul Africanos, sinto por vezes uma certa dificuldade em expressar-me na língua de Camões, pelo que, de antemão, peço a vossa compreensão para quaisquer erros, quer verbais, quer escritos, que da minha parte possa haver, certo de que o meu envolvimento com a Academia do Bacalhau, me ajudará, de certo modo, a aperfeiçoar o meu Português.

     Estou ligado à nossa instituição há já alguns anos, mas, só nos últimos dois anos fiz parte da Direcção, o que me permitiu um envolvimento mais directo e uma consciencialização mais profunda dos problemas sociais que a nossa comunidade especialmente na Africa do Sul enfrenta, e que, na medida do possível, tentamos mitigar.

     Acho não ser esta a altura de fazer promessas, mas, a vontade que me anima, certamente me dará alento para que, com a ajuda de todos vós, possa realizar os projectos que tenho em mente e que, a seu tempo darão os seus resultados, para os quais peço o vosso apoio.

É minha intenção elaborar, muito em breve, e em conjunto com a minha Direcção, um plano de acção a levar a efeito ao longo de cinco anos, e cujo término coincidirá com os 50 anos da nossa Academia. Sendo este um plano a longo prazo, e que irá envolver outros presidentes, deverá ser uma questão "sine qua non" a que futuros presidentes deverão dar continuidade, para que a comemoração dos nossos 50 anos em 2018, possa ter o brilho que todos desejamos.

     A minha actividade profissional vai, durante o corrente ano, exigir alguns períodos de ausência devido a deslocações que te

nho que efectuar ao estrangeiro, o que, se por um lado me irá permitir contactos mais directos com os Presidentes de outras Academias, requererá, a nível local ,uma maior dependência dos elementos da minha Direcção, com quem sei que posso contar, de maneira a que os efeitos da minha ausência sejam minimizados. Isso será de certo modo facilitado pelas facilidades de comunicação que as novas tecnologias de hoje nos permitem.

Entretanto, e para que a Academia do Bacalhau continue a crescer e a cumprir a missão que nos foi destinada, peço a todas as Comadres e Compadres da nossa tertúlia, e de todas as Academias espalhadas pelo mundo, o vosso especial empenho na resolução dos problemas do dia a dia, assegurando-vos o nosso incondicional apoio, sempre que este nos seja solicitado.

    Ao nosso ex Presidente Nelson, quero lhe agradecer, pelo trabalho e esforço que os dois anos lhe custou. Temos imensa consideração por, não só o        Presidente Nelson, mas a todos os Presidentes que por esta tertúlia tem navegado. Sem o vosso trabalho, a Academia do Bacalhau hoje não estava o lugar em que se encontra. Gostava de transmitir um gavião de penacho sem mais aos passados Presidentes desta nossa Academia.

 presidente JMS

Com um Gavião de Penacho

JOSÉ MANUEL SAMPAIO PRESIDENTE DA ACADEMIA MÃE

Banner Baixo
Banner Baixo 02
Banner Baixo 03
Banner Baixo 04

Banner Baixo 05
Banner Baixo 06
Banner Baixo 07
Banner Baixo 08